5 erros na hora de querer trincar o abdômen

Muitos querem trincar o abdômen, porém vou apresentar aqui 5 erros básicos que a maioria comete e que a partir de agora você não irá errar.

Primeiro é a ingestão de água. Sabe-se que é necessária uma ingestão de água de 30 a 50ml para cada 1kg de peso corpóreo. No entanto, é comum verificar que boa parte das pessoas nem lembram de tomar. A água é grande responsável pela perda de gordura e também aumento de músculos. Ao ficar desidratado, a pouca água que você terá no seu corpo será usado apenas para funções básicas.

 

Segundo é a ingestão de sal. De maneira bem dosada, o sal faz bem para o corpo e auxilia na realização dos processos internos do organismo. Quando usado com exagero, torna-se um completo vilão e danifica diversas áreas do funcionamento corporal – especialmente, a saúde cardiovascular.

 

Quando consumido na quantidade correta (menos de 5g diários por pessoa), o sal auxilia no funcionamento do organismo. Mas de que maneira? É o seguinte: o sal funciona como mecanismo de controle das substâncias que entram e saem do organismo – ajuda a manter o balanço ideal de água e nutrientes dentro das células. Sem a presença do sódio no corpo, o organismo não conseguiria reter a quantidade saudável de água que precisa e as células sofreriam alteração no seu volume natural.

 

Você sabia que o sal, além de deixar as comidas mais saborosas, ainda pode ajudar o corpo a aproveitá-las da melhor maneira possível? É isso mesmo! Se consumido de maneira consciente, o sal é um grande amigo da digestão: estimula o aumento dos movimentos peristálticos dos intestinos, facilitando a formação do bolo fecal.

 

Para aqueles que vão à academia, andam de bicicleta, fazem caminhadas ou praticam quaisquer outras atividades aeróbicas com frequência, a importância do sal é ainda maior: seu consumo consciente auxilia na reposição do sódio perdido pela transpiração. Assim, o corpo permanece no equilíbrio saudável de água e nutrientes no interior de suas células.

 

Terceiro é pensar que somente o treino cardio vai fazer você trincar. O trabalho de força é altamente recomendado, veja o porque: o treinamento de força contribui para a melhora da glicemia plasmática, redução de massa gorda, melhora do perfil lipídico, aumento de massa muscular, densidade mineral óssea entre outros benefícios. Tais resultados são observados independentemente do sexo, idade ou etnia, desde que sejam seguidos alguns critérios básicos para a prescrição do exercício.

Quarto motivo é pensar que o final de semana não faz diferença. Vejo constantemente alunos falando que de segunda à sexta fazem tudo certo e que apenas no final de semana saem um pouco. Chega até ser engraçado, alguns ficam revoltados por não terem conseguido alcançar suas metas. Saiba que o FDS faz realmente a diferença!

 

Quinto motivo é o baixo estímulo no CORE (o centro do seu corpo). A musculatura do core é formada por 29 pares de músculos: bíceps femoral, transverso abdominal, multífidios, adutor, eretor da espinha, oblíquo interno e externo, íliopsoas, glúteo máximo e reto abdominal. Por tanto, percebam quantos músculos serão ativados ao treinar o CORE, isso acaba gerando um gasto energético altíssimo de calorias e potencializando a queima de gordura. Não perca tempo e comece seus treinos!!!

 

Espero ter colaborado com a sua busca pelo abdômen trincado.

 

Eu sou o Professor Michel Oliveira, graduado em Educação Física e especialista em Treinamento Físico Funcional.

 

Não esqueça de adicionar seu email para receber as notificações.

 

Nos siga no instagram @ctmicheloliveira e em nosso canal no youtbe/ctmicheloliveira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *